Em função da série de ações protagonizadas pela direção do SERPRO e governo federal no sentido de preparar a empresa para a privatização, a direção do SINDPD-PE realizou Assembleia virtual com os empregados e empregadas da empresa na tarde dessa terça-feira (1º de setembro). A Assembleia foi bastante participativa e foram repassadas informações sobre o processo de privatização em curso; alteração do Estatuto da empresa; fechamento dos escritórios; mudança de endereço da sede do SERPROS e sobre a Campanha Salarial, que se arrasta sem que a empresa ratifique no Tribunal Superior do Trabalho (TST) o que foi acordado anteriormente com a Fenadados sobre a proposta apresentada pelo Ministro que está mediando as negociações. 
Na Assembleia, a diretoria do SINDPD-PE informou ainda que defendeu junto à Fenadados e foi aprovada a realização de um Conselho Diretor e prestou esclarecimentos sobre a eleição da OLT.
O SINDPD-PE alertou ainda para a necessidade de que a categoria participe das convocações do sindicato, a fim de que se possa construir a resistência a todas as arbitrariedades pautadas pela direção do SERPRO e o governo federal. Como uma das ações neste sentido, foi solicitado que  todos os empregados e empregadas assinem uma petição pública que vem circulando nas redes, contra a mudança da sede do SERPROS para Brasília. Assine!

Reunião Conselho Diretor 

O Conselho Diretor da Fenadados, que reúne a direção da Federação, sindicatos filiados e os sindicatos do RS, SC e PR se reunirão nesta sexta-feira (4/9). Na pauta serão discutidas as várias ações do governo federal na construção da privatização das empresas estatais de TI e como impedir que esse projeto se consolide . Os pontos serão: mudança do SEPROS para Brasília (DF); PREVdata; Campanhas Salarias SEPRO, DATAPREV e Cobra Tecnologia; Fechamento Escritórios/Regionais SERPRO e organização de uma Plenária para discussão dos efeitos pós pandemia para a categoria.