As mulheres irão às ruas mais uma vez neste 8 de março, levar seu grito de protesto contra a desigualdade, a violência e toda forma de opressão a que a mulher é historicamente submetida.

Com o tema Marielles: livres do machismo, do racismo e pela previdência pública, a luta se amplia em 2019 com a ameaça de uma reforma da previdência que penaliza drasticamente o trabalhador, mas especialmente as mulheres trabalhadoras brasileiras. Mais de 30 entidades da sociedade civil estarão presentes ao ato.

A concentração será a partir das 14h, na Praça do Derby, seguido de passeata pelas ruas do Recife.


Eixos

O 8 de março 2019 foi construído com base de 11 eixos que reúne demandas dos vários segmentos da socidade civil organizada, dos quais, cinco serão trabalhados em rodas de conversa que acontececerão na concentração do ato, na praça do Derby. Confira:

1. Contra o Racismo: Vidas Negras Importam!
 
2. Pelo direito de viver e amar. Lesbofobia e Transfobia é Crime!
 
3. Pelo direito à proteção social: Não às Reformas Trabalhista e Previdenciária!
 
4. Por uma democracia justa e participativa para e pelas mulheres.
 
5. Pela Vida das Mulheres: Não ao Feminicídio! 
 
6. A proibição das drogas mata e encarcera o povo negro. Pelo fim da guerra!
 
7. Legalização do aborto: pela autonomia e proteção das mulheres.
 
8. Em defesa dos territórios e da agroecologia: Margaridas do campo, das florestas, das águas e da cidade.

9. Não foi tragédia ambiental! Punição para os crimes da mineração!

10. Em defesa dos direitos e dos territórios das populações indígenas e quilombolas.

11. Pelo direito das mulheres com deficiência à uma vida plena! Abaixo à discriminação!