Desde o ano de 2003 o mês de Novembro é dedicado a campanhas de prevenção do câncer de próstata. A campanha, que teve origem na Austrália, tem o objetivo de divulgar informações baseadas nas melhores evidência científicas e promover a saúde do homem de forma consciente e equilibrada. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de próstata no Brasil é o segundo mais comum entre os homens. O Inca estima que no Brasil, serão 65.840 novos casos somente em 2020, mas a detecção precoce da doença melhora as chances de tratamento para o paciente.

Fatores de risco
• A idade é um fator de risco importante, uma vez que tanto a incidência quanto a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos.
• Pai ou irmão com câncer de próstata antes dos 60 anos, podendo refletir tanto fatores genéticos (hereditários) quanto hábitos alimentares ou estilo de vida de risco de algumas famílias.
• Excesso de gordura corporal aumenta o risco de câncer de próstata avançado.
• Exposições a aminas aromáticas (comuns nas indústrias química, mecânica e de transformação de alumínio) arsênio (usado como conservante de madeira e como agrotóxico), produtos de petróleo, motor de escape de veículo, hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA), fuligem e dioxinas estão associadas ao câncer de próstata.

Diagnóstico 
O câncer de próstata pode ser detectado por meio da investigação, com exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos, de pessoas com sinais e sintomas sugestivos da doença (diagnóstico precoce), ou com o uso de exames periódicos em pessoas sem sinais ou sintomas (rastreamento), mas pertencentes a grupos com maior chance de ter a doença. No caso do câncer de próstata, esses exames são o toque retal e o exame de sangue para avaliar a dosagem do PSA (antígeno prostático específico).

Os sinais e sintomas do câncer de próstata são: 
• Dificuldade de urinar
• Diminuição do jato de urina
• Necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite
• Sangue na urina
Na maior parte das vezes, esses sintomas não são causados por câncer, mas é importante que eles sejam investigados por um médico.

Demonstra amor por você mesmo. Previna-se!

Fonte: Inca e IMIP