Buscando solucionar os vários problemas enfrentados desde o ano de 2018 pelos trabalhadores da Proservil (que presentam serviço à Secretaria de Educação da Prefeitura do Recife), a direção do SINDPD-PE participou nessa terça-feira (5/2) de reunião com a representação da PCR e a Proservil, mediada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

As denúncias relatadas pelos empregados são de descumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho, atraso no pagamento dos salários,  vale transporte e auxílio alimentação e a suspensão do plano de saúde em dezembro/2018. 

Presente à reunião, a Proservil alegou dificuldades no contrato com a Prefeitura para efetuar os pagamentos. O jurídico da PCR solicitou um tempo para buscar  esclarecimentos em relação ao contrato, sendo agendada uma nova reunião para esta quarta-feira (6/2), às 11h, no MTE.